Educação de Infancia

Creche


Este porta-chave, pode ser é feito em acetado, que pode ser ou não colorido.

Pede-se à criança que escreva ou nome ou desenhe com caneta de acetato, depois é só recortar com a forma pretendida.

Com uma garrafa de plástico pintada a gosto.

Retira-se o fundo e corta-se em ripas para fazer os tentáculos, excepto a parte perto do gargalo onde será feita a cara.

As crianças devem decorar o polvo livremente.

E assim, com pouco dinheiro, fazemos uma expressão plástica muito engraçada.

Tigre – Expressão plástica

Ago 1, 2010 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Conhecimento do Mundo, Creche, Expressão plástica

Material: Prato de Plástico, Cartolina preta e laranja, tinta laranja e olhos móveis.

Pede-se às crianças que pintem o prato de cor-de laranja, cortem e colem os elementos em cartolina e os olhos móveis.

Esta Expressão Plástica pode ser realizada pelos meninos do Jardim de Infância ou Creche (excepto o corte dos elementos).

A lua – Expressão Plástica

Jul 31, 2010 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Conhecimento do Mundo, Creche, Expressão plástica

Tanto os colegas de Creche com os de Jardim de Infância, podem falar das fases da lua e fazer esta linda e expressão plástica.

Pedir às crianças para recortar ou rasgar, diferentes papeis e prata, depois é só colar sobre a cartolina. É um lindo trabalho colectivo, fácil e barato

Brincando com palhinhas

Abr 4, 2010 Autora: Raquel Martins | Colocado em: A nossa sala, Creche, Expressão motora, Iniciação à matemática

Como referi, tenho apostado em material barato e fácil de adquirir.

Hoje o material são palhinhas, de várias cores e tamanhos. Nunca viram o que eles conseguem fazer com elas. Constroem coisas lindas.

Esta ideia pode ser para Creche mas também para Jardim de Infância, contagem, sequências, vários tamanhos, agrupar por cor ou por tamanho, é um material que pode e deve ser muito explorado nas nossas salas.

Brincando com as cores

Abr 2, 2010 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Creche

As colegas e os colegas de creche queixam-se que nunca me lembro deles. Então aqui está uma ideia simples, barata, fácil e que as crianças gostam.

Podemos brincar, trabalhando as cores, falando de tudo o que a crianças vai fazendo e criando. Privilegiando a expressão oral e a relação entre o Educador e  a criança.

As estratégias em Creche

Nov 14, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Creche

Sendo a integração do bebé um processo interactivo que envolve de um modo forte e significativo a criança, a família, o grupo de crianças, o pessoal, e todo o ambiente, exige uma reflexão aprofundada sobre as modalidades de adaptação à creche.

O ambiente é determinante na qualidade da rede de relações que proporciona, razão pela qual se organiza o espaço de forma a facilitar a comunicação e a partilha das culturas em presença. Condições para que cada criança e família se sinta bem desde o primeiro encontro.

Com o objectivo de encontrarem os procedimentos adequados que ajudem a criança e a família a ultrapassarem a ansiedade ligada à separação, é possível estabelecer com cada família um programa para a integração da criança tendo, necessariamente, em conta as características de cada família e a singularidade do processo de adaptação de cada criança.

Poderão ser definidas, em equipa, (e equipa da sala) as estratégias para a integração do bebé na creche tendo em conta as expectativas das mães:

quer proporcionando uma visita à creche, antes da integração da criança. Os pais irão conviver antecipadamente com o futuro espaço do seu filho, os objectos, e as cores que o envolverão. Lembro uma mãe que nesta visita perguntava: “o meu bebé pode ficar com a cama amarela ?” Por outro lado, o bebé entrará em relação com o novo ambiente e com pessoas na presença da mãe, mais facilmente será capaz de mobilizar as suas relações de fixação;

quer proporcionando encontros com pais cujos filhos já frequentaram a creche para confronto de preocupações e experiências (estas reuniões têm sido muito eficazes na redução da ansiedade e começa a instalar-se uma maior confiança reforçada por esta ajuda entre pares. Os pais são convidados a calendarizar a entrada gradual dos seus bebés, conciliando os interesses e necessidades de cada família);

quer favorecendo a entrada gradual dos bebés para que cada um deles e a sua família possam receber a devida atenção por parte do pessoal no primeiro dia de permanência na creche;

quer, a adaptação progressiva em que os tempos de permanência do bebé, na creche deverão ser mais curtos de início;

quer o, objecto transicional, assim denominado por Winnicott, que constitui uma fonte segura de conforto e alívio, e tem um papel importante porque permite representar a mãe ausente e dessa forma tolerar a separação. Frequentemente a mãe tem vergonha de trazer o objecto preferido do filho. Por vezes, quando a educadora insiste na importância deste objecto na creche, mães há, que não o trazem, dizendo que o seu filho não tem preferência por um objecto. Lembro uma mãe que foi comprar um boneco para trazer para a creche e tempos depois, após confiar, foi capaz de trazer um pedaço de soutien velho e malcheiroso que o seu filho “não largava”. Enquanto estes “milagres” não acontecem e na impossibilidade do bebé escolher o seu objecto, pode a mãe, construir com a educadora, um boneco que levará, para ganhar os cheiros de casa, e depois, trará para a creche. Mães há, que mantêm o boneco junto ao peito para o impregnar do seu cheiro;

quer, ainda, solicitando a presença da mãe durante o período de adaptação do bebé. Estratégia utilizada, com eficácia, nas creches camarárias de Reggio Emília, onde, com saber e convicção, a equipa se deixa observar, observando..

A educadora combina com a mãe a sua presença na creche, durante o tempo necessário, até a criança se sentir segura. A mãe é informada da importância deste procedimento, bem como da atitude que deve assumir de observadora participante, sem interferir na conduta autónoma da criança. A mãe é convidada a participar nos cuidados do seu filho e a estar presente durante as refeições e o repouso.


Archives


Links


Meta

Advertising


Comentários Recentes