Educao de Infancia


A Papeira na Infncia

Dez 15, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Sade Infantil

Parotidite Epidrmica causada por um vrus (paramixovirus) que provoca uma inflamao das glndulas salivares de um ou ambos os lados; pode atingir os adultos quando no so vacinados e que no tiveram anteriormente a doena; perigoso nos indivduos do sexo masculino porque correm o risco de ficar estreis.

Transmisso: Atravs do contacto com indivduos infectados, da saliva; Incubao – 2 a 3 semanas.
Sintomas e Diagnstico: Febre; dores de cabea; 3 dia surge uma inflamao das glndulas salivares inchao e dor; o inchao diminui entre uma semana a 10 dias.

Preveno e Tratamento: Repouso; ingesto de lquidos; analgsicos ou anti-inflamatrios (dor e edema) – Vacinao: VASPR includa no Programa Nacional de Vacinao.

O que o Sarampo?

Dez 10, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Sade Infantil

causada por um vrus; cura-se ao fim de alguns dias sem tratamento especfico; transmite-se por via respiratria; o perodo de incubao de 8 a 10 dias.

Sintomas e Diagnstico: Evolui em duas fases distintas: 1 Fase: Febre; congesto e corrimento nasal; conjuntivite; fotofobia; tosse seca / rouquido; manchas de koplic; 2 Fase: Erupo constituda por manchas e ppulas; progridem durante 3 dias; no atingem as palmas das mos nem as plantas dos ps; o enxatema desaparece pela mesma ordem que apareceu.

Preveno e Tratamento: No tem tratamento especfico; a criana deve ser mantida em repouso – Vacinao: VASPR que faz parte do Programa Nacional de Vacinao.

A Amigdalite

Dez 3, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Sade Infantil

Sintomas :Pode ocorrer numa constipao; Secrees transparentes no nariz; Tosse e rouquido; Dores de garganta; Pequenos gnglios no pescoo; Amgdalas inchadas e vermelhas; Mau hlito; Febre.

Preveno/Tratamento
-Aliviar a febre e a dor.
-Dieta leve e lquidos abundantes.

A Rubola nas Crianas

Dez 1, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Sade Infantil

geralmente uma doena de evoluo benigna, quando afecta as crianas; as consequncias mais graves relacionam-se com o aparecimento da doena na mulher grvida.

Transmisso: Saliva; urina; sangue; secrees do nariz / garganta; Incubao – 14 a 21 dias.

Sintomas e Diagnstico: Febre; corrimento nasal; tosse; irritao nos olhos; inchao dos gnglios linfticos; erupo na pele (de cor rosada; o enxatema surge inicialmente na cabea e atinge o corpo todo ao fim do 1 dia; no causa comicho; no atinge a palma das mos e planta dos ps.

Preveno e Tratamento: uma doena que evolui espontaneamente para a cura – Vacinao: VASPR includa no Programa Nacional de Vacinao. Para prevenir consequncias graves para o desenvolvimento do beb, todas as mulheres devem de estar vacinadas antes do inicio da vida sexual.

A Criana com Otite

Nov 27, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Sade Infantil

Sintomas:

Dor nos ouvidos; Comicho no canal auditivo; Sensao de ouvido cheio de gua; Falta de audio.
(Pode existir: febre, irritabilidade, choro frequente, perda de apetite, vmitos ou diarreia.)

Preveno/ Tratamento:

-Utilizar tampes auriculares quando molha a cabea.
-O ouvido deve ser bem seco aps o contacto com a gua.
-Aplicao de gotas no ouvido.

Crianas com Asma

Nov 26, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Sade Infantil

Sintomas:

Dificuldade respiratria; Pieira e a sensao de falta de ar; Aperto torcico; Tosse seca.

Preveno/Tratamentos:

-Hidratar a criana em abundncia.
-Evitar a ingesto de aspirinas.
-Tomar os medicamentos disponveis.

A Paralisia Cerebral – Cuidados a ter

Nov 22, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Sade Infantil

Ao lidar com uma criana com paralisia cerebral, existe sua volta uma variedade de problemas tais como:

No segurar a cabea
No se manter sentada
No andar
Mover-se de uma maneira descontrolada ou insegura

Deve-se ter em ateno ao modo como se lida com crianas que possuem estas caractersticas, no tendo estes cuidados, as crianas tornam-se mais descontroladas.

Como transportar a criana

Criana Espstica

Se tem dificuldade em abrir as pernas, ao pegar-lhe ao colo deve ser colocada sobre as ancas de pernas abertas

Criana Atetsica

Se tem movimentos descontrolados, ao pegar-lhe ao colo, os braos da criana tem que estar voltados para a frente segurando-lhe as mos contra os joelhos unidos

Objectos Adequados

Banco triangular. Com as costas bem apoiadas e as pernas abertas, a criana pode brincar numa posio correcta.
Cadeira de madeira com tabuleiro
Cunha de espuma que permite criana brincar de barriga para baixo.

Como deslocar-se

Na criana com paralisia cerebral o seu corpo ao andar tem tendncia a inclinar-se para a frente, o que torna difcil a sua deslocao.

Prancha de madeira com rodas vai permitir que a criana que tem as pernas mais afectadas que os braos se desloque

Vesturio

O vesturio deve ser adaptado:
Largo
De abotoar frente
Evitar ou substituir os botes por fecho eclair, velcro e mola

Higiene

Estas crianas necessitam de um bacio fixo e um varo para se puderem segurar.
Para estimular a lavagem das mos, a criana dever brincar com a areia imitando os movimentos para a higiene das mos.

Grafismos

Na escrita, no desenho ou noutra actividade a criana tem tendncia a tomar posies incorrectas. Estas devem ser corrigidas do seguinte modo:

Costas direitas
Braos em cima da mesa

Alimentao

Sempre que seja possvel a criana deve comer sentada na sua cadeira.
Ao dar de comer, temos de ter em ateno colher, esta deve ser pouco funda, arredondada e no muito grande.

Linguagem

A linguagem uma forma de integrao social. Muitas crianas com Paralisia Cerebral tm perturbaes na fala.

Que fazer para desenvolver a linguagem?

Enquanto beb estimule e participe nos seus jogos vocais
Proporcionar um ambiente estimulante, falando mesmo que ele no responda
Falar de tudo o que rodeia. Assim contribui para o aumento do seu vocabulrio.
No falar em linguagem infantil
Dar oportunidade de a criana exprimir os seus desejos como pode. No superprotege-las
Tentar que se exprima por sons ou palavras e no por gestos
Dirigir uma conversa voltado para a criana assim esta pode observar os olhos e os gestos da boca.


Archives


Links


Meta

Advertising


Comentários Recentes