Educao de Infancia

Poesia


Festa da Famlia no Jardim de Infncia

Mai 15, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Estimulao leitura e escrita, Poesia

Um poema para toda a famlia:

A famlia o lugar
onde a tristeza no passa,
se cultiva a ternura
e o amor se d de graa.
um tempo e um lugar
que te ensina a partilhar
e a conjugar devagar
em liberdade ou com regras,
em silncio ou bem alto
as formas do verbo amar!

Terminaram as aulas

A mochila vai ser guardada

e com ela os cadernos

c fora ficam os lpis

que s vezes ficam despertos.

O relgio despertador,

tambm poder brincar

com o seu amigo de areia

e claro, vo passear!

Apara-lpis e tesouras,

nunca querem descansar!

E nestas gostosas frias,

talvez queiram ir danar.

Eu no sei com os meus pais

poderemos sair de casa

mas em famlia e com eles,

estar em casa at tem graa!

Patricia Mazzucci

Este poema foi partilhado pela Colega Sara Fernandes, muito obrigada Sara!

H trabalhos e trabalhos

Neste dia do trabalho

de trabalhos se vai falar,

de manh, tarde ou noite

vai a gente trabalhar.

Uns dentros das suas casas,

outros sempre a viajar,

uns fechados em escritrios

outros no campo ou no mar.

H trabalhos diferentes,

importantes por igual.

Trabalhar um direito

para todo o pessoal.

Todos no 1 de Maio,

que bom se fosse verdade,

porque o trabalho, s pessoas,

d sentido e dignidade.

M. Zanetti

Poesia para o Dia da Me

Mai 2, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Dia da Me, Estimulao leitura e escrita, Poesia

Dia da Me

A minha me to querida

E gosta tanto de mim

Neste dia que seu

Dou-lhe beijinhos sem fim

Recebeste-me em teus braos

No dia em que cheguei

E hoje vou-te dizer

Que de ti logo gostei

Gosto das tuas festinhas

Dos teus mimos e beijinhos

No h ningum que nos faa

Como a me estes carinhos

A minha me to linda

To linda com uma flor

Pra ela muitos beijinhos

Com carinho e amor

Poema para a me

Mai 1, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Dia da Me, Poesia

ME

Em cada abrao

Em cada beijo

Em cada carinho teu

Posso sentir toda a fora

Do verdadeiro amor

Como posso sentir

O poder do teu carinho

Toda a vez que tu

Olhas para mim

Obrigada, Me!

Hoje a partilha um poema para a me dos nossos meninos da Infantil.

O Poema “ mesa”

Abr 14, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Estimulao leitura e escrita, Poesia

mesa


A me, se me v
comer com a mo,
prega-lhe logo
uma lio.

Ento tentei
comer com o p:
Tirei sapato,
tirei a meia…
Ia levando uma tareia.

Mas amanh
no ralham comigo
pois vou comer
pelo umbigo.

Luisa Ducla Soares, Poemas da Mentira e de Verdade

Um poema para lerem aos vossos meninos e posteriormente falarem sobre ocomportamento correcto mesa, de uma forma ldica. Certamente eles no esqueceram.

Olhinhos Felizes

Mar 22, 2009 Autora: Raquel Martins | Colocado em: Dia Mundial da Criana, Estimulao leitura e escrita, Finalistas, Poesia

Olhinhos Felizes

Olhinhos da cor do cu.

Olhinhos de chocolate.

Olhinhos da cor do mel.

Olhinhos negro azeviche.

No importa de que cor

So os teus olhos, menino.

O que importa estarem cheios

de vida e de muito brilho.

Olhinhos de travessura,

de riso e de fantasia.

No quero olhinhos chorosos,

so olhinhos de alegria.

Mnica Tirabasso

Um poema para o Dia Mundial da Criana, para os Finalistas ou para algum acontecimento especial


Archives


Links


Meta

Advertising


Comentários Recentes