Esta a mo direita
A esquerda esta mo
Com esta digo sim
Com esta digo no
Levanto a direita ao cu
Apanho a esquerda ao cho
Agora j conheo
J no fao confuso.

Pelas pernas visto os cales
Pelos braos a camisola
No pescoo ponho um lao
Nas mos calo as luvas
Nos ps calo os sapatos
E na cabea ponho um chapu
Com um leno assou o nariz
Nos olhos ponho os culos
Nas orelhas ponho os brincos
Com a boca dou beijinhos.

O leiteiro vende leite
O padeiro faz po
A peixeira vende peixe
O carvoeiro o carvo
Para apanhar o peixe, temos o pescador
Mas para cultivar legumes, lavra a terra o lavrador
Para ensinar a ler, j est pronto o professor
Mas se estamos a sofrer, o mdico nos tira a dor.

Salto, salto com os ps
Mexo, mexo com as mos
Volto, volto a cabea
Tapo, tapo os meus olhos
Puxo, puxo plas orelhas
Toco, toco no nariz
Faam todos como eu fiz.

Um, dois, trs, quatro
A galinha mais o pato
Fugiram da capoeira
Foi atrs a cozinheira
Que lhes deu com um sapato

Um, dois, trs, quatro
Um, dois, trs, quatro
Quantos plos tem o gato?
Quando acaba de nascer
Um, dois, trs, quatro.

Se tu visses o que eu vi,
havias de te admirar.
Uma cadela com pintos,
uma galinha a ladrar.
Se tu visses o que eu vi,
havias de te admirar.
Uma cobra a tirar gua,
e um cavalo a danar.
Se tu visses o que eu vi,
havias de te admirar.
Uma abelha a grunhir,
e um porco a voar.

L vai a vaca
chamada Estrelinha
metade tua
e metade minha

Ela malhada
d-me leitinho
eu bebo-o todo
devagarinho.