O Autismo

Antigamente o autismo era visto como uma perturbao rara. O conhecimento deste estado, o seu diagnstico, tratamento, evoluo e resultados no eram obrigatoriamente considerados pela maioria dos mdicos de sade mental e no fazia parte da formao profissional. A avaliao da problemtica era realizada por um pequeno grupo de especialistas e os programas de tratamento no eram acessveis.

Actualmente, existem muitos casos de autismo diagnosticados, por isso criaram vrios tratamentos e as clnicas passaram a empenhar-se na despistagem, diagnstico e avaliao da problemtica. Existe uma maior consciencializao para as perturbaes do espectro do autismo, tanto por parte dos profissionais de sade como do pblico, at nos meios de comunicao j frequente serem apresentadas histrias relacionadas com esta problemtica.

muito importante que os mdicos trabalhem arduamente para manterem actualizados os seus conhecimentos sobre as perturbaes do espectro do autismo.

As perturbaes do espectro do autismo envolvem limitaes das relaes sociais, da comunicao verbal e no verbal e da variedade dos interesses e comportamentos.

Existem sintomas no domnio social que incluem um dfice acentuado no uso de comportamentos no verbais (ex.: contacto visual, expresso facial, gestos) reguladores da interaco social, incapacidade para desenvolver relaes com os companheiros adequados ao nvel de desenvolvimento, a reduzida tendncia para partilhar prazeres ou interesses com os outros e a limitada reciprocidade social ou emocional.
O autismo pode ser identificado atravs de 12 sintomas. Para que o sujeito seja considerado autista deve manifestar pelo menos 6 sintomas, 2 deles pertencentes rea social e um tem de ser de cada uma das categorias da comunicao e dos comportamentos/interesses. Um dos sintomas manifestado antes dos 30 meses de idade.