Importncia do envolvimento parental
Abordagem sistmica da famlia

Um sistema um conjunto de elementos inter-relacionados, pelo que muitas instituies se ajustam ao que pode denominar-se um sistema. Isso acontece no sistema educativo, onde um conjunto de elementos est em constante interaco (professores, alunos, currculo, contedos, materiais, ), e tambm na famlia. Em qualquer sistema, o todo maior do que a soma das partes; a mudana um elemento que afecta as outras partes do sistema; e as necessidades e objectivos das partes so precedidos pelos do sistema. Assim, as necessidades bsicas de um sistema so adaptar-se, sobreviver e manter-se. Para conseguir este objectivo, o sistema actua e comporta-se de determinada maneira. Quando surge um conflito entre as necessidades de alguma parte do sistema ou do sistema em geral, este tenta regular e controlar o comportamento das componentes, de forma a assegurar a sua prpria sobrevivncia. O controlo do sistema mantido pelas suas prprias estruturas e pelos princpios de comunicao e feed-back.

Os sistemas abertos consomem e libertam energia no ambiente, de tal forma que os elementos de um sistema aberto so afectados pelas mudanas noutros sistemas. A famlia e o prprio ser humano constituem sistemas abertos. O intercmbio com o mundo e os outros proporcionam-lhes a energia necessria para a sua auto-regulao.

Cada famlia enquanto sistema um todo, mas tambm parte de sistemas, de contextos mais vastos nos quais se integra (comunidade, sociedade). Por outro lado, dentro da famlia existem outras totalidades mais pequenas que so, elas prprias, partes do grupo total: so os chamados subsistemas. Ou seja, no se podem considerar os indivduos isolados, mas como seres ligados entre si. neste mbito que famlia e meio vivem interligados e no se podem conceber isoladamente. De igual forma, tambm a criana no pode ser indissociada do meio onde est inserida e da escola onde est integrada: criana/meio/escola so elementos que se interligam e se influenciam mutuamente.

a partir do momento em que nasce uma criana que o casal (famlia) se abre ao meio. Quando esta criana entra na escola, essa abertura ainda mais alargada. Assim, cada famlia tem caractersticas prprias e auto-organiza-se de acordo com as influncias externas.